Oncologia

Biossegurança em Quimioterapia na Clínica Veterinária
UM ASSUNTO EM PAUTA!!!

Apesar de ser frequentemente utilizada por clínicos veterinários , a quimioterapia em pequenos animais traz diversos riscos relacionados à exposição aos medicamentos antineoplásicos, tanto aos profissionais que as administram quanto aos tutores que mal informados manuseiam drogas sem nenhuma orientação.

No entanto, apesar de todo alerta a respeito deste fato, estes riscos tem sido rotineiramente negligenciados. Seja em nossas escolas e faculdades de medicina veterinária, seja no exercício especializado de profissionais habilitados.

Como comprovado, os medicamentos antineoplásicos são reconhecidamente de potencial carcinogênico, teratogênico e mutagênico, em especial sobre o sistema reprodutivo. Na prática, considera-se que apenas uma molécula destes produtos pode induzir mutações irreversíveis a longo prazo.

As ações e riscos associados a estas, enquanto médicos veterinários, sejam por negligência ou falta de conhecimento na aquisição, no armazenamento, no preparo, na aplicação do medicamento, no período de convalescença do paciente tratado, no ambiente do estabelecimento médico veterinário ou no qual o animal habita, na destinação dos resíduos produzidos, produzem resultados muitas vezes bastante desfavoráveis e o que é pior: colocando em risco a saúde de todos os envolvidos.

De uma maneira pioneira, a ANCLIVEPA -SC em seu último Congresso realizado em Florianópolis, promoveu um Ciclo de Palestras acompanhado por uma mesa redonda, onde profissionais das mais diversas áreas (Medicina Veterinária, Enfermagem, Medicina Humana e Advocacia) debateram o assunto no âmbito da Legislação Vigente e suas  aplicações na prática da rotina veterinária. Méritos ao Profissional  Médico Veterinário Dr Luiz Afonso Erthal , idealizador do evento e que desde então têm difundido a Biossegurança em diversos Congressos e Encontros.

O assunto tá em pauta!!! 

A RESPONSABILIDADE PROFISSIONAL TAMBÉM.

Resolução no. 1015, 2012 .CFMV

Conceitua e estabelece condições para o funcionamento de estabelecimentos médico veterinários.

NR 9, 1994.   Trata de Programa de prevenção de Riscos Ambientais, EPIs,
RDC 306/2004 Dispõe sobre o Regulamento Técnico para o Gerenciamento de Residuos de Serviço de Saúde ANVISA.
NR 15, 2011 Trata de atividades e operações insalubres, quando do relativo a substâncias cancerígenas.
NR 32, 2004. MTE.  Segurança e saúde no trabalho em serviços de saúde.
RDC 220, 2004. ANVISA Regulamento Técnico de funcionamento para os serviços de terapia antineoplásica.
A imagem pode conter: 2 pessoas